Em Montessori, menos é tudo

Em Montessori aprendemos que a Criança com liberdade procura (e encontra) detalhes importantes em todas as coisas e experiências. Ela não precisa muito.

Nós fomos presenteados com um Universo completo. A vida é uma dádiva e com um olhar sensível conseguimos ver tudo onde quase nunca se vê algo:

Observar uma aranha fazendo sua teia ensina que na vida só se conquista algo trabalhando. E muito. E duro.

Observar um botão de flor se abrir ensina coragem.

O ciclo da vida da borboleta ensina persistência.

Tudo ensina.

Tudo é útil, e nada é tão tudo quanto o que temos de graça no nosso dia a dia.

Basta que observemos, com carinho, o que nos rodeia.

Em Montessori, menos é tudo.


Lara Morais Nogueira